Como identificar doenças bucais

Tempo de leitura: 4 min

Escrito por lucas
em Novembro 9, 2022

As doenças bucais afetam grande parte da população por diversos fatores e podem prejudicar toda a vida social, por causarem dores, halitose e afetar o autocuidado quando há a perda de dentes. 

Suas causas podem ser distintas, porém o mais comum é a falta de higiene bucal que leva a muitos problemas bucais, afetando até mesmo a saúde geral. Nesse caso, pode ser necessário um implante dentário

Embora possam prejudicar a saúde bucal, há inúmeras opções de tratamentos, e visitar um dentista regularmente evitará que essas situações ocorram. 

Caso queira entender quais as principais doenças bucais, suas causas, sintomas e os tratamentos específicos, continue a leitura. 

Quais são as principais doenças que afetam a boca?

Os dentes são o cartão de visita de qualquer pessoa, e mantê-los limpos e saudáveis é o segredo para ter um sorriso espetacular. 

Sabendo disso, ter cuidados com a saúde dos dentes é essencial para evitar as doenças bucais. 

Quando isso não ocorre, muitas adversidades podem surgir, em que as maiores doenças bucais, são:

  • Tártaro;
  • Cáries; 
  • Gengivite;
  • Periodontite.

O tártaro é uma placa amarelada endurecida que gruda nos dentes e a sua maior causa é a placa bacteriana, em que não é retirada, endurecendo e afetando a saúde e a aparência dos dentes. 

Esse problema leva a outras doenças bucais, em que pode acometer até mesmo a perda dos dentes. Nesse caso, tem que estar disposto a aplicar um implante de dente para voltar a ter um sorriso harmônico.

Quando há muito tártaro acumulado nos dentes, ele pode passar para o tecido gengival, causando a gengivite – inflamação da gengiva. Seus sintomas são bem evidentes, levando ao sangramento na escovação e a sensibilidade dentária.

Percebemos que um problema acaba atraindo outro, e com a gengivite não é diferente. Quando ela não é tratada, a inflamação passa para o periodonto – tecidos e ossos que revestem a área gengival.

A periodontite é uma doença bucal bem comum, porém ela pode levar a outros problemas, se não for tratada. Inclusive, tem a chance de até mesmo levar para uma endocardite bacteriana – inflamação que passa para a corrente sanguínea, afetando o coração. 

Os sintomas da periodontite são bem similares aos da gengivite, causando sangramento gengival e sensibilidade dentária. Porém, pode levar ao espaçamento dos dentes e gengiva inchada devido a inflamação. 

Como o espaçamento dos dentes podem afetar a autoestima, muitas pessoas buscam um tratamento estético dentário, como o uso das facetas de resina.

Outra doença bem comum é a cárie, em que pode ser notada por um ponto preto que fica nos dentes, levando a dores e até mesmo a perda dos dentes. 

Quais são as causas das principais doenças bucais existentes?

Não há como negar que as principais causas para que essas doenças bucais apareçam é a má higiene bucal. Entretanto, outros fatores como uma alimentação rica em açúcares pode potencializar essas doenças

É importante estar sempre escovando os dentes, após as refeições, fazendo o uso de fio dental e enxaguante bucal, de preferência sem álcool. 

Com isso, se evitam cáries e doenças periodontais. Outro fator essencial é estar indo ao dentista periodicamente para realizar uma limpeza profissional reiterando o tártaro em que a escova não é capaz de retirar.

Os dentes sem a limpeza profissional e a má escovação, leva também ao amarelamento dos dentes, afetando a autoestima e retirando o sorriso. 

Uma solução para esse problema é estar buscando um clareamento no consultório. 

É possível ver a diferença exorbitante por meio das fotos de clareamento dental antes e depois, levando a dentes brancos e saudáveis. 

Quais as formas de tratamentos das doenças bucais

Dependendo da doença bucal, o tratamento pode ser bem diferente um do outro. Isso levando em conta a gravidade em que os dentes e gengivas se encontram.

O tártaro, como falado anteriormente, pode ser retirado com uma profilaxia – limpeza profissional, e assim, reduz o amarelamento dos dentes. 

Uma outra opção para clarear os dentes são outros procedimentos. Por isso, tem aumentando a procura nos consultórios odontológicos de preço clareamento dental.

Na cárie, o tratamento pode variar de uma restauração simples com resina para um processo mais intenso de canal. 

Isso porque, a cárie passa para a polpa dentária, tendo que ser retirada e após isso, deve ser feita a restauração do dente. 

No caso das doenças gengivais, uma limpeza profissional pode ser eficaz. Quando é afetado o periodonto, muitas vezes, o tratamento acaba sendo mais complicado. 

Então, deve ser retirado todo o tártaro que ficou por baixo dos tecidos da gengiva, e em processos ainda mais complicados, é preciso realizar uma cirurgia.

Agora que já sabe quais são as maiores doenças bucais e como preveni-las, além de suas causas e tratamentos, não deixe de escovar os dentes ao menos três vezes ao dia e consultar o seu dentista regularmente.
Conteúdo originalmente desenvolvido pela equipe do blog Qualivida Online, site no qual é possível encontrar diversas informações e conteúdos sobre os cuidados com a saúde física e mental.

Você vai gostar também:

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta


*


*


Seja o primeiro a comentar!

JUNTE-SE Á NOSSA LISTA DE SUBSCRITORES

Entre para nossa lista e receba conteúdos exclusivos e com prioridade